Oferta
Foto 1 - Direito e Questões Tecnológicas

Direito e Questões Tecnológicas

Cód.: 9788536218335
R$30,00
R$ 18,00

Carregando...

Descrição do produto

organizadores: Antônio Carlos Efing - Cinthia Obladen de Almendra Freitas 

Isbn: 9788536218335
Editora: Juruá
Assunto: Direito 
Edição:
 1ª Edição
Ano: 2008
Pág: 244
Formato: 14 x 21 Brochura

 

Sinopse:

A tecnologia foi inserida no cotidiano de todas as pessoas e como resultado direto do desenvolvimento da ciência, permitiu uma série de inovações inimagináveis há anos atrás, como, por exemplo, realizar quase todo o tipo de contratações sem sair de casa, fazer aplicações financeiras e movimentações bancárias etc.

Tais relações têm implicações, na maioria das vezes, no âmbito jurídico e merecem a atenção do Direito para garantir ás pessoas, que se utilizam de ferramentas tecnológicas como a internet para efetuarem seus negócios jurídicos, a devida segurança.

Esta obra demonstra que tecnologia e Direito são elementos que estão diretamente relacionados.

A tecnologia é uma ferramenta ao Direito, na exata medida em que disponibiliza soluções para a garantia das relações encartadas no mundo virtual, e, por outro lado, o Direito apresenta á tecnologia os meios corretos de sua implicação na sociedade atual.

Nesta realidade, são relevantes os temas ligados á utilização de recursos tecnológicos á sociedade em geral, tratando os reflexos econômicos e sociais do uso e da aplicação de novas tecnologias na vida dos cidadãos, bem como estabelecendo reflexões a partir da realidade tecnológica que merecem a análise jurídica das suas repercussões. As questões que envolvem Direito e Tecnologia remetem a ideia de democratização do consumo virtual, com ferramentas tecnológicas visando á modernização do Judiciário, dando a este celeridade para o julgamento das demandas que resultam no melhor controle e efetividade da administração pública brasileira. por estas razões analisa-se a forma como o Direito atende á necessidade dos cidadãos, os meios que poderão tornar seguras as relações virtuais e suas demais repercussões.

Assim, o objetivo central da obra é mostrar que o desenvolvimento tecnológico da sociedade pode ocorrer de forma consciente, respeitando os direitos dos consumidores e contribuindo para promover os interesses da Constituição Federal como o atendimento da dignidade da pessoa humana.